01 janeiro 2018

2017 foi de carnificina no Rio Grande do Norte


Nunca se matou tanto no estado do Rio Grande do Norte como em 2017. É essa a conclusão do OBVIO (Observatório da Violência Letal Intencional), instituto que contabiliza crimes contra a vida no estado. Segundo o órgão foram registrados 2.405 homicídio em 2017, isso representa uma média de seis assassinatos por dia e um aumento de 20,5% em relação ao ano de 2016.

Mossoró

O ano também foi de carnificina em Mossoró, segunda maior cidade do estado. Foram 249 homicídios em 2017 contra 2017 em 2016. O “assassinômetro” ficou pouco tempo zerado e na madrugada desta segunda-feira (01) a cidade já registrou o seu primeiro crime de homicídio.

Crise na segurança

O RN passa por uma crise na segurança pública desde o dia 19 de dezembro de 2017, quando policiais militares, civis e bombeiros resolveram se manter aquartelados em protesto contra atrasos de salários e condições de trabalho. Sem os agentes de segurança nas ruas, a violência deve continuar neste início de ano.

Nenhum comentário:

Postar um comentário