04 janeiro 2018

Nova Ministra do trabalho foi condenada por não cumprir leis trabalhistas

Segundo matéria publicada pelo portal G1, a nova ministra do Trabalho, Cristiane Brasil, foi condenada por não cumprir as leis trabalhistas.

Cristiane, que é deputada pelo PTB e filha do ex-deputado Roberto Jefferson (condenado e preso no processo do “mensalão”) foi condenada a pagar R$ 60 mil por uma dívida trabalhista.

O juiz que a condenou em primeira instância afirmou que o motorista de Cristiane, Fernando Fernandes, trabalhava cerca de 15h por dia sem carteira assinada.

No processo, a parlamentar diz que Fernando "não era e nem nunca foi seu empregado e que exercia tão somente trabalho eventual.”

Já o motorista afirma que trabalhou exclusivamente para Cristiane entre 2012 e 2014, e que levava as crianças ao médico, escola, psicólogos ou até mesmo às "baladas", cumprindo uma carga horária que ia das 6h30 às 22h.

Nota do Blog: Tudo normal no governo do golpe. Parece que há um critério do "presidente" para indicar ministros, qual seja, representar exatamente o oposto do que sua pasta exige. Assim, temos um ministro da agricultura ruralista, um ministro da saúde financiado pelos planos de saúde e por aí vai. Uma ministra do trabalho que não cumpre as leis trabalhistas é tão somente o roteiro natural deste governo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário