06 fevereiro 2018

Gerais...

Rosalba busca apoio entre os vereadores

A prefeita Rosalba Ciarlini (PP) busca um reforço na sua base de apoio na Câmara Municipal. Segundo a jornalista Cristiane Alves a prefeita tentou atrair para sua base de apoio o vereador Ozaniel Mesquita (PR), durante o velório da sogra do vereador. Ozaniel teria recusado a proposta e justificou a recusa dizendo para Rosalba que não concordava com muita coisa que acontecia no governo dela. Apesar da insistência da chefe do executivo, Ozaniel teria se mantido firme em sua decisão. Veremos.

Prisão domiciliar

O ex-ministro Henrique Eduardo Alves (MDB) ganhou na justiça o direito de cumprir sua pena em casa. A prisão domiciliar para Henrique foi concedida pelo juiz Eduardo Guimarães Farias, em audiência que aconteceu na manhã desta terça-feira (06). O ex-ministro foi preso há oito meses na “Operação Manus”, que apura desvio de recursos na construção da Arena das Dunas, em Natal. Apesar da decisão Henrique vai permanecer preso (pelo menos por enquanto) pois pesa contra ele outro mandado de prisão, desta vez em Brasília-DF. A defesa de Alves fará um pedido de habeas corpus à Justiça no outro caso ao qual ele responde.

"Desnomeação"

Parece que finalmente o "governo" Temer vai jogar a toalha e desistir da nomeação da deputada federal Cristiane Brasil (PTB-RJ) para o Ministério do Trabalho, pelo menos é o que diz a Folha de São Paulo. O planalto quer que o presidente nacional do PTB, Roberto Jefferson, indique outro nome para a pasta. Há um entendimento entre assessores de Temer de que Cristiane Brasil é uma nomeação muito pesada, até mesmo para um governo extremamente impopular e que insistir em sua posse desgastaria ainda mais o governo (seria possível?) que é rejeitado por mais de 90% da população. Cristiane Brasil enfrenta processos na Justiça do Trabalho, além de ter o nome incluído no Banco Nacional de Devedores Trabalhistas (BNDT). Para completar, a parlamentar é suspeita de associação ao tráfico.

Não aguentou a pressão

Rosângela Moro, mulher do juiz Sergio Moro, abandonou sua conta no Instagram depois que criticou o Jornal Folha de São Paulo. A Folha revelou que Moro, embora tenha imóvel próprio em Curitiba, onde trabalha, recebe auxílio-moradia. Rosângela havia publicando uma foto de um cacho de bananas sobre uma edição da Folha de S.Paulo com a legenda. "Imprensa... para o bem e para o mal. Separam o joio do trigo e publicam o joio". Nota do Blog: Parece que a imprensa para o casal Moro só é conveniente quando está de acordo com o obscurantismo da lava-jato e do populismo penal midiático. Imagine se eles fossem massacrados dia e noite como é o ex-presidente Lula e foi a presidenta Dilma. Já teriam mudado de país 

Guerra civil no RN

A violência em Mossoró e no RN continua sem controle. O poder público, incapaz de enfrentar o poder paralelo da criminalidade, optou por permanecer em sua zona de conforto de onde segue com discursos falaciosos. Os números são de guerra civil. No último fim de semana - entre sexta-feira (02 e domingo (4) - foram 25 homicídios. Mossoró como sempre ocupou lugar de destaque no morticínio, registrando a maioria dos crimes de assassinato. Na madrugada de segunda-feira homens invadiram uma festa em um clube e começaram a atirar, o atentado resultou em 16 pessoas feridas e 2 mortas. Se a quebra de acordo do governo do estado com os agentes da segurança pública se confirmar, os policiais podem novamente se recolher aos quartéis no período de carnaval, agravando o já caótico quadro da segurança pública  do estado e elevando a contagem de cadáveres. 

Tweets








Nenhum comentário:

Postar um comentário